Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correio de Torroselo

Defensor dos interesses de Torroselo, de Seia e da Região da Beira Serra

Correio de Torroselo

Defensor dos interesses de Torroselo, de Seia e da Região da Beira Serra

26/01/16

Gouveia Comemora Centenário do Nascimento de Vergílio Ferreira

Ministro da Cultura no Centenário do Nascimento de Vergílio Ferreira 

 

O Município de Gouveia inicia a 28 de janeiro o ciclo de atividades comemorativas do centenário do nascimento de Vergílio Ferreira. Durante todo o ano a autarquia de Gouveia vai promover uma vasto conjunto de atividades com arranque oficial a 28 de janeiro, dia em que se assinalam os 100 anos de nascimento do autor de Aparição.

 

 

 

Para o arranque das comemorações o Município de Gouveia programou três dias de atividades (28, 29 e 30 de janeiro) que contarão com a presença do Ministro da Cultura, Dr. João Soares, no dia 29 de janeiro, e de um conjunto alargado de individualidades que conviveram ou privaram com Vergílio Ferreira.

Da programação definido pela Câmara Municipal de Gouveia fazem parte o lançamento da reedição da obras de Vergílio Ferreira pela Quetzal, uma visita de Francisco José Viegas à Escola Secundária de Gouveia, a reposição do busto de Vergílio Ferreira na Praça de S. Pedro e a inauguração da exposição "Vergílio Ferreira: Os Caminhos da Escrita ou O Fascínio da Arte" que estará patente no Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta de 29 de janeiro e 26 de março.

A programação continua a 30 de janeiro com o colóquio "Vergílio Ferreira: Evocação, Evocações", na Biblioteca Municipal Vergílio Ferreira e com o monólogo "Em Memória ou a Vida Inteira dentro de Mim" interpretado por Pompeu José e baseado no romance "Até ao Fim" de Vergílio Ferreira, que decorrerá no teatro cine de Gouveia.

As Comemorações do Centenário do Nascimento de Vergílio Ferreira, levadas a cabo pelo Município de Gouveia, prosseguirão ao longo de todo o ano de 2016 e encerrarão um ano depois, precisamente a 28 de janeiro de 2017.

in CMG

19/01/16

Faleceu o Dr. António Almeida Santos

Faleceu esta noite na sua casa em Oeiras, o Dr. António Almeida Santos, antigo ministro da Coordenação Interterritorial, da Justiça, presidente da Assembleia da Republica, presidente do PS, etc. Advogado de profissão, o Dr. Almeida Santos exerceu a advocacia em Moçambique, Lourenço Marques, actual Maputo. Defendeu na barra dos Tribunais moçambicanos  antifascistas e oposicionistas do Estado Novo, bem como militantes e simpatizantes da causa da independência.

 

A seguir ao 25 de Abril regressou a Portugal, onde integrou o novo governo saído da revolução vindo a ocupar a pasta da Coordenação Interterritorial, antigo ministério do Ultramar. Teve papel preponderante na descolonização e na legislação de muitas das Leis vigentes.

 

O Dr. Almeida Santos nasceu na freguesia da Cabeça, onde sua mãe foi professora primária, mas a Vide - terra de seus pais - era a sua terra!

O concelho de Seia perdeu um filho que, ao país, dedicou parte da sua vida.

foto retirada da net

14/01/16

Concurso Hino Municipal de Oliveira do Hospital

Município de Oliveira do Hospital lança concurso para o Hino do concelho
 

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital acaba de lançar um concurso para escolher o Hino do Concelho de Oliveira do Hospital que deverá promover e exortar feitos e glórias do passado e presente do Município de Oliveira do Hospital, proclamando as suas gentes e peculiaridades sociais e históricas. O prazo para entrega das candidaturas decorre até 26 de fevereiro.

 

Este concurso destina-se a escolher uma composição – com letra e música – que será oficializada como Hino Oficial do Município Oliveira do Hospital. Tem como objetivos: transmitir e exortar feitos e glórias do passado ou do presente do concelho e as suas peculiaridades sociais e históricas; estimular a participação cívica e autoestima dos oliveirenses; estimular o talento e a criação artística e com eles valorizar o concelho; contribuir para o desenvolvimento artístico e cultural da sociedade em geral e da comunidade oliveirense em particular; e estimular a criatividade artística no seio das bandas e das respetivas associações e coletividades culturais do concelho oliveirense.

 

Serão admitidos a concurso, pessoas singulares ou coletivas residentes ou naturais do concelho de Oliveira do Hospital, bem como entidades com atividade na área da música. Cada candidatura deverá apresentar letra e música, podendo estas ser de dois ou mais autores, sendo que é admitida a coautoria, devendo esta menção constar na candidatura.

 

De realçar que a composição (letra e música) deverá ser inédita, cabendo ao candidato participante convidar o(s) autor(es) ou aceitar propostas de participação destes em seu nome.

 

Os interessados podem entregar a sua candidatura até dia 26 de fevereiro, que deve ser assinada com pseudónimo e respeitar as normas de participação neste concurso, em mão ou por correio junto do Gabinete de Apoio à Vereação da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital.

 

As propostas serão avaliadas por um júri, para escolher a composição vencedora, que será constituído por três membros, personalidades na área da Música, Literatura ou História. Refira-se que o candidato vencedor será contemplado com um prémio monetário de 750 euros, a entregar por ocasião das comemorações do 25 de abril.

 

Para mais informações deverão ser consultadas as normas de participação neste concurso em www.cm-oliveiradohospital.pt

in CMOH

10/01/16

A Festa das Papas foi notícia na Emissora Nacional em 17 de Maio de 1963

Em  17 de Maio de 1963 a Emissora Nacional divulgava uma notícia que, à nossa terra, dizia respeito.

A informação foi "apresentada no "Diário Sentimental", constituída por pequenas notícias que valem, talvez, mais do que as grandes, e que pretendem chegar, não só os ouvidos, mas ao coração dos que nos escutam.  

 

Eis, a notícia, lida aos microfones da antiga Emissora Nacional:

 

"Todos os segundos Domingos  de Maio de cada ano e, desde longa data, realiza-se em Torroselo (Serra da Estrela) a Festa das Papas, enquadrada nas tradições beiroas como das mais típicas e de singular animação. Este ano teve brilho excepcional, organizando-se um luzido cortejo de cerca de 50 tabuleiros recheados de apetitosas papas de milho branco e amarelo, carolo grado, com leite de ovelha açucarado,legendas a capela e flores viçosas em volta, conduzidos à cabeça por serranas  de trajos garridos e rosto airoso. As papas foram benzidas pelo rev. pároco da freguesia e distribuídas pelos apreciadores. O cortejo foi acompanhado pela filarmónica local, entre o estralejar de foguetório".

Fonte: http://museu.rtp.pt/app/uploads/dbEmissoraNacional/Lote%2006/00007750.pdf

5948d7835c20160110154359.jpg

 

foto da net 

07/01/16

Feira do Queijo 2016, Seia, 6, 7, 8 e 9 Fevereiro

Estão abertas as inscrições para os expositores interessados em participar na Feira do Queijo de Seia, que este ano decorre ao longo de quatro dias, concretamente de 6 a 9 de fevereiro de 2016.

Organizado anualmente pela Câmara Municipal de Seia, o certame vai ter lugar no Mercado Municipal e área envolvente e procura promover amplamente o Queijo e os produtos endógenos do concelho de Seia.

As inscrições para a participação na feira estão abertas até ao dia 8 de janeiro.

in CMS

03/01/16

A Fonte dos Moiros em Torroselo

foto_0309.jpg

 

 

A Moura de Torrozelo

 

Na Fonte dos Moiros — sempre o ouvimos desde pequerruchos — vive uma moirinha jovem e formosa, com umas grandes arrecadas de ouro em forma de pirâmide a penderem-lhe das orelhas aveludadas, entre ondeantes e fartas madeixas, com uns olhos de um negro-azeviche a faiscarem-lhe do rosto bronzeado e uns lábios a palpitarem-lhe de sensualismo, que só a desoras, da meia-noite para a uma (não se sabe porquê), aparece ante uma riquíssima dobadoura, fazendo girar o fuso de marfim amarelado em voos delicados, quase subtis, a ver se alguém cai em lhe dar um fio do fato ou um cabelo desgarrado, para se safar cá para fora e deixar outrem na encravação.
 A mourinha está sempre moça fresca, e vem a ser por isso que a água da «Fonte dos Mouros» é a mais fria da terra…

 

Fonte: BiblioVASCONCELLOS, J. Leite de Contos Populares e Lendas II Coimbra, por ordem da universidade, 1966 , p.795-796

Ano1924

Place of collectionTorrozelo, SEIA, GUARDA

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.