Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Janeiro 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31


Pesquisar

 


Gouveia Comemora Centenário do Nascimento de Vergílio Ferreira

Terça-feira, 26.01.16
Ministro da Cultura no Centenário do Nascimento de Vergílio Ferreira 

 

O Município de Gouveia inicia a 28 de janeiro o ciclo de atividades comemorativas do centenário do nascimento de Vergílio Ferreira. Durante todo o ano a autarquia de Gouveia vai promover uma vasto conjunto de atividades com arranque oficial a 28 de janeiro, dia em que se assinalam os 100 anos de nascimento do autor de Aparição.

 

 

 

Para o arranque das comemorações o Município de Gouveia programou três dias de atividades (28, 29 e 30 de janeiro) que contarão com a presença do Ministro da Cultura, Dr. João Soares, no dia 29 de janeiro, e de um conjunto alargado de individualidades que conviveram ou privaram com Vergílio Ferreira.

Da programação definido pela Câmara Municipal de Gouveia fazem parte o lançamento da reedição da obras de Vergílio Ferreira pela Quetzal, uma visita de Francisco José Viegas à Escola Secundária de Gouveia, a reposição do busto de Vergílio Ferreira na Praça de S. Pedro e a inauguração da exposição "Vergílio Ferreira: Os Caminhos da Escrita ou O Fascínio da Arte" que estará patente no Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta de 29 de janeiro e 26 de março.

A programação continua a 30 de janeiro com o colóquio "Vergílio Ferreira: Evocação, Evocações", na Biblioteca Municipal Vergílio Ferreira e com o monólogo "Em Memória ou a Vida Inteira dentro de Mim" interpretado por Pompeu José e baseado no romance "Até ao Fim" de Vergílio Ferreira, que decorrerá no teatro cine de Gouveia.

As Comemorações do Centenário do Nascimento de Vergílio Ferreira, levadas a cabo pelo Município de Gouveia, prosseguirão ao longo de todo o ano de 2016 e encerrarão um ano depois, precisamente a 28 de janeiro de 2017.

in CMG

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por António Madeira às 09:12


Comentários recentes